FREE AGENCY – NFC West

Free Agency NFC West - Futebol Americano NFL Pick6

Logo Arizona Cardinals - Futebol Americano NFL Pick6Arizona Cardinals

Contratações: Antonio Cromartie, CB; Jared Veldheer, OT; Ted Ginn, WR/KR; Jonathan Dwyer, RB; Ted Larsen, C; John Carlson, TE.

Renovações: Bryce McCann, CB; Marcus Benard, OLB; DE Matt Shaughnessy, DE; Frostee Rucker, DE/DT; Jake Ballard, TE; Jay Feely, K; Dave Zastudil, P.

Saídas: Karlos Dansby, ILB; Jasper Brinkley, ILB; Antoine Cason, CB; Javier Arenas, CB/KR; Jim Dray, TE; Andre Roberts, WR; Daryn Colledge, OG.

Aposentadoria: Rashard Mendenhall, RB.

Apesar de não ter feito grandes contratações, o Arizona Cardinals foi bem objetivo durante a free agency. A equipe primeiro focou em conseguir um tackle para proteger o lado cego de Carson Palmer, e para isso trouxeram Jared Veldheer. Veldheer teve ótimos ano com o Raiders e chegou a jogar com Palmer por lá, vai dar um belo de um upgrade na péssima linha ofensiva de Arizona.

Ted Ginn chega para ser o retornador oficial da equipe que poderá tirar Patrick Peterson da função. Além disso, Gin pode ser um bom alvo em profundidade. A renovação de Jake Ballard e a chegada de John Carslon podem dar um pouco de estabilidade ao tenebroso grupo de tight ends do Cardinals. Palmer precisa de alvos confiáveis para atacar o meio das defesas adversárias.

Com a aposentadoria de Rashard Mendenhall, Arizona  precisaria encontrar alguém para complementar o segundo anista Andre Ellington. Jonathan Dwyer foi o escolhido para a função, já que, diferente de Ellington, possui um estilo de jogo mais físico e com melhor condições de correr entre os tackles. Para a defesa, a contratação de Antonio Cromartie foi muito boa. Peterson precisa de um bom jogador do seu lado oposto, e apesar de Cromartie não ter jogado bem na última temporada, pode recuperar sua forma este ano.

A principal perda de Arizona foi a do inside linebacker titular Karlos Dansby, que apesar de seus 33 anos assinou um contrato milionário com o Cleveland Browns. Kevin Minter, em seu segundo ano, deve jogar ao lado de Daryl Washington esta temporada.

 

Logo St Louis Rams Alternativo - Futebol Americano NFL Pick6St. Louis Rams

Contratações: Kenny Britt, WR; Shaun Hill, QB; Alex Carrington, DE/DT.

Renovações: Rodger Saffold, OT; Jo-Lonn Dunbar, OLB.

Saídas: Cortland Finnegan, CB; Darian Stewart, S; Harvey Dahl, OG; Shelley Smith, OG; Chris Williams, OG; Mike McNeill, TE; Kellen Clemens, QB.

Por causa do teto salarial apertado, o St. Louis precisou fazer alguns cortes durante esta intertemporada. A equipe mandou embora jogadores importantes como o cornerback Cortland Finnegan e o guard Harvey Dahl, titulares absolutos em suas posições. Além disso, o fraco grupo de safeties sofreu uma baixa com a saída de Darian Stewart que assinou com o Baltimore Ravens. Apesar de Stewart não ser um grande jogador, vai fazer falta pela escassez de atletas na posição. Provavelmente o Rams deverá draftar algum safety este ano.

O tackle Rodger Saffold volta para St. Louis depois de ter falhado no teste físico com o Oakland Raiders. O jogador havia entrado em acordo com a equipe da California, mas graças ao departamento médica não assinou por lá.

Entre as poucas contratações, podemos falar que a do recebedor Kenny Britt foi a principal. Britt é bom jogador, mas sofre com contusões. Se estiver saudável pode ajudar bastante Sam Bradford, já que o Rams carece de alvos confiáveis.

 

Logo San Francisco 49ers - Futebol Americano NFL Pick6San Francisco 49ers

Contratações: Brandon Lloyd, WR; Antoine Bethea, S; Chris Cook, CB.

Trocas: Jonathan Martin, OT (escolha condicional do Draft 2014); Blaine Gabbert, QB (escolha de sexta rodada do Draft 2014).

Renovações: Demarcus Dobbs, DE; Phil Dawson, K. Saídas: Donte Whitner, S; Tarell Brown, CB; Carlos Rogers, CB; Colt McCoy, QB; Mario Manningham, WR; Anthony Dixon, RB.

Outro time da NFC West pouco ativo nas contratações foi o San Francisco 49ers. A equipe trouxe o safety Antoine Bethea com a saída de Donte Whitner. Bethea foi durante oito temporadas o líder da secundária do Indianapolis Colts, e apesar de não ser um jogador físico como Whitner consegue defender muito bem o meio da secundária.

San Francisco tirou o recebedor Brandon Lloyd da aposentadoria, acreditando que ele possa ser um ótimo alvo para Colin Kaepernick. Lloyd teve bons anos com o Broncos e o Patriots e passou um ano desacreditado do futebol americano. Agora é ver se ele recupera a boa forma do passado.

Entre as grandes perdas do Niners estão as saídas dos cornerback Tarell Brown e Carlos Rogers, prejudicando muito a secundária da equipe. Ambos jogadores assinaram com o Oakland Raiders, obrigando San Francisco a se preocupar com a posição no Draft 2014. A chegada de Chris Cook é muito pouco para fortalecer o grupo de cornerbacks.

A coisa mais estranha que a equipe da Califórnia fez foi trocar uma escolha de sexta rodada do Draft 2014 pelo quarterback Blaine Gabbert. Gabbert é um dos piores jogadores na posição, será que Jim Harbaugh acredita que pode transformar o ex-atleta do Jaguars em um reserva competente?

 

Logo Seattle Seahawks - Futebol Americano NFL Pick6Seattle Seahawks

Contratações: Phillip Adams, CB.

Trocas: Terrelle Pryor, QB (escolha de sétima roda do Draft 2014).

Renovações: Earl Thomas, S; Michael Bennett, DE; Tony McDaniel, DT; Jeron Johnson, CB; O’Brien Schofield, OLB; Tarvaris Jackson, QB; Doug Baldwin, WR; Sidney Rice, WR; Anthony McCoy, TE; Lemuel Jeanpierre, OG; Steven Hauschka, K.

Saídas: Chris Clemons, DE; Red Bryant, DE; Clinton McDonald, DT; Brandon Browner, CB; Walter Thurmond, CB; Chris Maragos, S; Golden Tate, WR; Breno Giacomini, OT; Paul McQuistan, OG.

A grande preocupação de Seattle foi em renovar com seus próprios jogadores. A volta do defensive end Michael Bennett era a prioridade, e depois de um longo tempo de negociação o jogador de linha defensiva volta para mais quatro temporadas com o Seahawks. Bennett foi peça fundamental pressionando os quarterbacks adversários durante a campanha do Superbowl. O defensive tackle Tony McDaniel também retorna ao time, para manter a eficiência defensiva contra o ataque terrestre. Seattle acertou uma extensão de contrato por mais quatro anos com o safety Earl Thomas, que irá pagar cerca de U$ 10 milhões por ano de serviço durante quatro anos. Thomas é o melhor safety da liga e o líder da secundária do Seahawks, merece cada centavo deste dinheiro.

Apesar das renovações, a equipe teve grandes perdas. Os jogadores de linha defensiva Chris Clemons e Red Bryant foram para Jacksonville se reunir com o antigo coordenador ofensivo Gus Bradley, enquanto Clinton McDonald se juntou ao Tampa Bay Buccanneers de Lovie Smith. O cornerback Brandon Browner também deixou a equipe e assinou com o New England Patriots, que mostrou interesse pelo atleta mesmo sabendo de sua suspensão dos quatro primeiros jogos da próxima temporada. Outro cornerback, Walter Trumond, também fará falta por causa de sua grande habilidade em defender o slot.

Já o recebedor Golden Tate recebeu uma proposta milionária do Detroit Lions, a qual Seattle não pode cobrir. Tate era o alvo de confiança de Russell Wilson, e vai fazer falta para o ataque da equipe. É bom que Percy Harvin esteja saudável na próxima temporada.

 

Siga-nos no Twitter @NFLPick6
Visite a primeira Timeline Brasileira do Futebol Americano da NFL no facebook do NFL Pick6

Leave a Comment