SAN FRANCISCO 49ERS – OFFSEASON 2013

Logo San Francisco 49ers - Futebol Americano NFL Pick6

O que mudou:

  • Sairam: Dashon Goldson, S; Isaac Sopoaga, NT; Ricky Jean-Francois, DE/DT; Alex Smith, QB; Delanie Walker, TE; Ted Ginn, WR; David Akers, K
  • Contratados: Nnamdi Asomugha, CB; Glenn Dorsey, DT; Craig Dahl, S; Dan Skuta, OLB; Anquan Boldin, WR; Marlon Moore, WR; Colt McCoy, QB; Adam Snyder, G; Phil Dawson, K
  • Continuaram: Darcel McBath, S; Tramaine Brock, CB
  • Draft: 18. Eric Reid, S, LSU; 40. Tank Carradine, DE, Florida State; 55. Vance McDonald, TE, Rice; 88. Corey Lemonier, DE/OLB, Auburn; 128. Quinton Patton, WR, Louisiana Tech; 131. Marcus Lattimore, RB, South Carolina; 157. Quinton Dial, DE/DT, Alabama; 180. Nick Moody, ILB, Florida State; 237. B.J. Daniels, QB, South Florida; 246. Carter Bykowski, OT, Iowa State; 252. Marcus Cooper, CB, Rutgers

 

Análise:

Colin Kaepernick San Francisco 49ers - Futebol Americano NFL Pick6
Colin Kaepernick jogou tão bem que o San Francisco 49ers pode trocar Alex Smith. (AP)

Pela primeira vez na história da franquia, o San Francisco 49ers chegou a um Superbowl e não venceu. Foi por pouco, teve a chance de virar a partida nos minutos finais mas a defesa do Baltimore Ravens conseguiu segurar Colin Kaepernick. Jim Harbaugh conseguiu o feito de chegar a um Superbowl em seu segundo ano como técnico na NFL. O quarterback, Colin Kaepernick, também jogando a sua segunda temporada mostrou que tem muito potencial, visto que mandou o até então titular, Alex Smith, pro banco. Contando com ambos nos próximos anos, o futuro do 49ers é bem promissor.

Com a ascensão de Colin Kaepernick, o quarterack Alex Smith e seus U$8 milhões de salário se tornaram dispensáveis. Logo, o San Francisco aceitou trocar o seu antigo titular com o Kansas City Chiefs por uma escolha de segunda rodada do draft deste ano. Smith foi selecionado com a primeira escolha do draft de 2005, mas demorou muito para engrenar na NFL. Como Kansas City estava desesperado atrás de um quarterback minimamente descente, por isso Alex Smith parecia a melhor solução já seria muito duro contar mais um ano com Matt Cassell. Além disso, Smith tem habilidades que se encaixam muito bem no tipo de ataque west-coast que o técnico Andy Reid vai implementar no Chiefs.

Durante esta offseason, o San Francisco 49ers fez outras trocas, mas essas para fortalecer ainda mais a equipe que já conta com vários bons jogadores. Primeiro, adquiriram o wide receiver Anquan Boldin, que estava no time campeão do Baltimore Ravens. San Francisco mandou uma escolha de sexta rodada para Baltimore em troca do jogador. Boldin é um recebedor que tem mãos muito boas e dificilmente deixa a bola cair, além de ser forte o suficiente para quebrar alguns tackles. Vem para trazer consistência ao grupo de recebedores do Niners, que conta praticamente apenas com Michael Crabtree. O time também realizou outra troca, só que desta vez com o Cleveland Browns, para trazer o quarterback Colt Mccoy. Depois que Alex Smith foi mandado para Kansas City, a equipe precisava encontrar um novo reserva para Colin Kaepernick. McCoy teve uma mistura de péssimos jogos com partidas regulares quando foi titular do Browns, e pode melhorar muito sua técnica aprendendo com Jim Harbaugh.

A equipe de San Francisco também fez algumas contratações durante a época de agentes livres. Trouxeram o cornerback Nnamdi Asomugha por um ano. Asomugha tinha assinado com o Philadelphia Eagles em 2011 como o melhor agente livre daquele ano. Quando jogava no Oakland Raiders a maioria dos analistas achavam que ele era tão bom quanto Darrelle Revis. No entanto, no Eagles não se adaptou ao esquema defensivo, o que o impediu de jogar o seu melhor futebol. Espera conseguir dar a volta por cima em San Fracisco, e com isso voltar a ser uma força na secundária. O Niners também assinou com o defesnive tackle Glenn Dorsey, que foi a quinta escolha do draft de 2009 pelo Kansas City Chiefs. Durante seu tempo em Kansas City foi muito mal aproveitado, jogando muito abaixo do que se esperava dele. Jogando para Jim Harbaugh, Dorsey espera melhorar seu futebol e atingir seu potencial. Uma boa adição para o ataque foi o retorno do guard Adam Snyder depois de ter passado um ano com o rival de divisão Arizona Cardinals. Snyder vem para fazer parte da rotação da forte linha ofensiva de San Francisco.

Outra ótima notícia para os torcedores do Niners foi a extensão do contrato de Justin Smith por mais dois anos. Smith é um dos melhores defensive tackles da liga, e mesmo com 33 anos continua botando terror nas linha ofensivas adversárias.

Dashon Goldson San Francisco 49ers - Futebol Americano NFL Pick6
Dashon Goldson assinou com o Tampa Bay Buccaneers enfraquecendo a secundária do San Francisco 49ers. (AP Photo | Ben Margot)

Mas não foi só de contratações que viveu o 49ers nesta intertemporada, a equipe também teve umas baixas importantes. O safety Dashon Goldson aceitou um contrato milionário do Tampa Bay Buccaneers para fazer dupla com o segundo anista Mark Barron. Com sua saída o meio da secundária ficou muito desfalcado. Os jogadores de linha defensiva, Isacc Sopoaga e Ricky Jean-Fracois, também deixaram a equipe. Ambos faziam parte da rotação da equipe, mas acredito que San Francisco já tenha seus substitutos na manga. O tigh end Delaine Walker assinou com o Tennessee Titans, deixando um buraco no grupo que conta apenas com Vernon Davis. Walker era usado com bastante criatividade no ataque do Niners, muitas vezes jogando como fullback. Sua ausência será sentida, principalmente por causa de sua versatilidade. O retornador Ted Ginn foi para o Carolina Panthers com a esperança de poder participar do ataque como recebedor, e não apenas no time de especialistas.

O San Francisco 49ers entrou neste draft com o maior número de escolhas de todos os times da NFL, foram quinze no total. A questão é que a equipe não tinha tantos buracos para suportar esse número de novos jogadores, e por isso se aproveitou para fazer inúmeras trocas e conseguir os atletas que queria. No primeiro round, o San Francisco mandou sua escolha de primeira rodada e de terceira rodadas para o Dallas Cowboys para selecionar Eric Reid, safety de LSU. Com a saída Dashon Goldson, a posição de safety era realmente a prioridade para o San Francisco 49ers durante este draft. Reid era o jogador no topo do board de San Francisco no momento que a troca aconteceu, tem uma boa combinação entre altura e agilidade para a posição. O novato é muito bom no suporte contra o jogo corrido, mas ainda precisa melhor sua defesa contra o jogo aéreo, principalmente nas bolas em profundidade. Tem bastante velocidade para aprimorar neste quesito.

A linha defensiva foi outra aérea de grande investimento do Niners neste draft. Na segunda rodada o time selecionou Tank Carradine, defensive end de Florida State. Se não fosse pela contusão sofrida em novembro, Tank Carradine poderia ter sido escolhido muito antes. Para muitos é o melhor jogador de todo draft na hora de botar pressão nos quarterbacks rivais. Mostrou bastante talento para isso durante sua carreira em Florida State. Com um grupo de defensive ends consolidado, San Francisco não tem a necessidade de colocar o novato de imediato em campo. Pode esperar até que ele se recupere completamente. Quinton Dial, defensive tackle de Alabama, foi escolhido na quinta rodada. Dial é um jogador versátil e pode ser alinhado em qualquer uma das posições da linha defensiva. Provavelmente não vai ter muitos minutos de jogo, mas pode ser um bom reserva caso alguém se machuque.

O defensive end Corey Lemonier foi selecionado na terceira rodada, e fará a transição para outside linebacker no esquema 3-4 utilizado por San Francisco. Começou o ano muito bem pela Universidade de Auburn, computando cinco sacks nos quatros primeiros jogos. Mas conforme a temporada ia passando, parece que Lemonier ficava cada vez mais frio e acabou não tendo toda a produtividade que se esperava. Terminou o ano com 5.5 sacks em doze jogos. Vem para competir com Cam Johnson tempo de jogo na rotação da equipe, principalmente nas situações claras de passe.

Na segunda rodada do draft deste ano, o 49ers escolheu o tight end Vance McDonald da Universidade de Rice. Com a saída de Delaine Walker, a equipe de San Francisco precisava encontrar alguém para fazer par com Vernon DavisMcDonald exerce muito bem a função de bloqueador, mas também tem boa habilidade recebendo passes já que havia sido wide receiver antes de mudar de posição. Pensando em aumentar ainda mais o número de alvos para Colin Kaepernick, San Francisco selecionou o recebedor Quinton Patton. Teve uma temporada muito produtiva pela Universidade de Louisiana Tech no ano passado, foram 104 passes recebidos para 1392 jardas e 13 touchdowns. Faz muito bem o papel de bloqueador, segurando os jogadores da secundária adversária com o objetivo de abrir buracos para as rotas de seus companheiros. O novato vem para competir com o segundo anista A.J. Jenkins pela vaga de terceiro recebedor da equipe.

Marcu Lattimore San Francisco 49ers - Futebol Americano NFL Pick6
Se não fosse por uma série de contusões, Marcus Lattimore poderia ter sido selecionado na primeira rodada do Draft 2013.

Por possuir inúmeras escolhas no draft e poucos buracos no elenco, o 49ers pode se dar o luxo de escolher o running back Marcus Lattimore de South Carolina, na quarta rodada. O atleta perdeu toda a última temporada da NCAA por causa de um problema no joelho, o que não foi nenhuma novidade já que há dois anos atrás teve um contusão parecida, só que no outro joelho. Se não fosse por uma série de contusões, Lattimore poderia ter sido o primeiro running back selecionado neste draft. O calouro tem uma combinação única de tamanho, peso e velocidade. Pode tanto correr entre os tackles quanto receber passes. Com Frank Gore, LaMichael James e Kendall Hunter, San Francisco pode esperar Lattimore ficar completamente saudável.

Siga-nos no Twitter @NFLPick6
Visite a primeira Timeline Brasileira do Futebol Americano da NFL no facebook do NFL Pick6

Leave a Comment