HOUSTON TEXANS – OFFSEASON 2013

Logo Houston Texans - Futebol Americano NFL Pick6

O que mudou:

  • Sairam: Connor Barwin, DE/OLB; Glover Quin, S; Alan Ball, CB; James Casey, TE/FB; Rashad Butler, OT; Kevin Walter, WR; Justin Forsett, RB; Shayne Graham, K; Donnie Jones, P
  • Contratados: Ed Reed, S; Greg Jones, FB; Shane Lechler, P
  • Continuaram: Tim Dobbins, ILB; Brice McCain, CB; Ryan Harris, OT; Andrew Gardner, OT
  • Draft: 27. DeAndre Hopkins, WR, Clemson; 57. D.J. Swearinger, S, South Carolina; 89. Brennan Williams, OT, North Carolina; 95. Sam Montgomery, DE/OLB, LSU; 124. Trevardo Williams, DE/OLB, Connecticut; 176. David Quessenberry, OT/G/C, San Jose State; 195. Alan Bonner, WR, Jacksonville State; 198. Chris Jones, DT, Bowling Green; 201. Ryan Griffin, TE, Connecticut

 

Análise:

Mais uma vez o Houston Texans mostrou sua força na AFC South e chegou aos playoffs. Mas engraçado como a história se repete, Texans enfrentou pela segunda vez seguida o Cincinnati Bengals no jogo de wild card e venceu de novo. Infelizmente o destino no divisional round foi igual, uma derrota. Só que desta vez para o New England Patriots de Tom Brady. Desta vez não pode dar a desculpa de que o quarterback titular não estava jogando, e a equipe precisou colocar T.J. Yates. Matt Schaub jogou e mesmo assim a equipe não teve força suficiente para pontuar mais que o Pats. Apesar da ótima defesa, se faz necessário encontrar mais alvos para Schaub se o Texans pretende chegar ao Superbowl na próxima temporada.

Ed Reed Houston Texans - Futebol Americano NFL Pick6
Ed Reed chega no Houston Texans para ser o líder da secundária.

Houston não foi muito ativo durante a offseason, apesar de ter perdido alguns bons jogadores. Tanto o oustide linebacker Connor Barwin quanto o tight end James Casey trocaram a equipe pelo Philadelphia Eagles. Barwin vai fazer falta do lado oposto de Brooks Reed, mas a equipe espera que Whitney Mercilus consiga produzir bem em seu segundo ano na liga. Casey fazia tanto o papel de tight end quanto de fullback, e Texans sentirá falta de sua versatilidade. O kicker Shayne Graham foi para o Cleveland Browns, fazendo com que Houston conte apenas com o calouro Randy Bullock para a posição.

Com a saída do safety Glover Quin que assinou com o Detroit Lions, o Texans foi as compras para a posição de safety que conta apenas com Daniel Manning. A estrela Ed Reed foi o principal nome que Houston trouxe para sua secundária. Reed jogou sua carreira toda pela Baltimore Ravens, e fez parte do time que ganhou o Superbowl ano passado. Foi um dos líderes da defesa durante seu tempo em Baltimore, e vai trazer muita experiência para Houston. Apesar de ter 34 anos, ainda pode jogar em alto nível. O fullback Greg Jones foi contratado também com o objetivo de facilitar a vida de Arian Foster. Jones é um dos melhores jogadores na posição, e vai abrir bons buracos para a estrela de Houston. O punter Donnie Jones foi mandado embora, e para seu lugar o Texans trouxe um dos melhores da liga, Shane Lechler. Durante seus doze anos com o Oakland Raiders, Lechler foi selecionado para sete Pro-Bowls e nove vezes eleito para o All-Pro team.

No draft deste ano, o Texans acredita ter achado o cara para fazer dupla com o wide receiver Andre Johnson. DeAndre Hopkins, foi selecionado na primeira rodada, e deve ser titular imediato da equipe. O jogador de Clemson é bem inteligente e rápido, para ele não existe bola perdida. Briga muito com os defensores adversários pela bola. Jacoby Jones e Kevin Walter foram tentativas sem sucesso ao lado de Johnson, e Houston espera ter acertado desta vez. Outro recebedor foi selecionado na sexta rodada, desta vez Alan Bonner da Universidade de Jacksonville State. Bonner tem talento diferente de Hopkins, ganha bastante jardas após a recepção e deve ser melhor aproveitado no slot. Também tem condições de exercer a função de retornador.

Com a contusão de Derek Newton ano passado, a linha ofensiva de Texans deu uma caída e perdeu muito de sua força. Nenhum jogador que entrou conseguiu substituir o titular a altura. Por isso Houston resolveu escolher alguns jogadores para dar suporte a linha. O tackle da Universidade de North Carolina, Brennan Williams, foi selecionado na terceira rodada do draft. Williams é filho do ex-jogador Brent Williams, mostrando que o calouro tem pedigree. Faz um bom trabalho com os pés que facilita muito na hora de proteger o quarterback para as jogadas aéreas. David Quessenberry da Universidade de San Jose State foi escolhido na sexta rodada, e é muito conhecido por sua versatilidade. Pode jogar me qualquer uma das cinco posições da linha ofensiva, e servirá de reserva caso qualquer um se machuque. Tem bastante agilidade para seu tamanho, visto que começou sua carreira como tight end.

DJ Swearinger Houston Texans - Futebol Americano NFL Pick6
DJ Swearinger deve aprender muito jogando ao lado de Ed Reed. (Ronald Martinez/Getty Images)

Ainda pensando em melhorar sua secundária, e principalmente o grupo de safeties, o Texans escolheu D.J. Swearinger na segunda rodada. Durante sua carreira na Universidade de South Carolina, Swearinger jogou em todas as posições na secundária. Sua função principal era de free safety, mas alguns jogo atuou como strong safety e até como cornerback pressionando os recebedores adversários. O novato joga com muita intensidade e não costuma aliviar para os seus rivais. Vai aprender muito ao lado de Ed Reed.

Na terceira e na quarta rodada, Houston selecionou dois jogadores que farão a transição de defensive end para oustide linebacker no esquema 3-4 da defesa do time. O primeiro deles foi Sam Montgomery que jogou por LSU. Montgomery é um jogador com bastante habilidade atlética e força, tem muita facilidade em pressionar os quarterbacks. Também é eficiente contra o ataque terrestre, mas vai ter que aprender a defender o jogo aéreo na sua nova posição. O segundo a ser escolhido foi Trevardo Williams da Universidade de Connecticut. Williams é mais explosivo e rápido que Montgomery, mas não tão forte quanto seu novo companheiro. Também é um jogador que consegue chegar fácil aos quarterbacks rivais, mas que terá que se acostumar a fazer a cobertura contra o passe.

Siga-nos no Twitter @NFLPick6
Visite a primeira Timeline Brasileira do Futebol Americano da NFL no facebook do NFL Pick6

Leave a Comment